A História da MPB

A Morte de Lamartine Babo


     Grande campeão de carnavais e um dos mais versáteis músicos brasileiros, Lamartine Babo seria, em seu último ano de vida, profusamente homenageado e nisso parecia haver uma espécie de presságio nefasto. No início de 1963, Lalá sofreu um infarto que o deixou muito abatido. Seu internamento foi noticiado no Jornal de Antônio Maria, em 14 de fevereiro desse mesmo ano. Alguns dias após o carnaval, já se sentia revigorado e a alta lhe seria dada. Carlos Machado, homem de espetáculos nacionalmente conhecido, preparava então, no Golden Room do Copacabana Palace, um show baseado na vida de Lalá, que foi ver de perto os ensaios, duvidando que sua vida tivesse fatos suficientes para ser apresentada em espetáculo. No dia 13 de junho, durante um dos ensaios, ele mesmo cantaria o refrão da música que o tornara famoso "O Teu Cabelo Não Nega" e Carlos Machado lhe lembraria de que não podia sofrer emoções fortes. Mas, no dia 16, Lalá teria um novo infarto, desta vez fatal. Morreria aquele que tanto alegrara os carnavais brasileiros e, até mesmo, as pessoas de seu convívio, com sua constante alegria, sua eterna ironia bem humorada. Até fora chamado de o Rei dos Trocadilhos. Seu corpo foi baixado à sepultura nš 13614, quadra 66, do Cemitério do Caju.